Filme gay Cazuza

Quer assistir um filme com temática LGBT+? Confira nossas indicações e um ótimo site pra você conferir praticamente todos eles!

Aimée & Jaguar

Aimée & Jaguar é um filme dramático alemão de 1999 ambientado em Berlim durante a Segunda Guerra Mundial. Foi escrito e dirigido por Max Färberböck e baseado no livro de Erica Fischer [de] que narra as vidas reais de Lilly Wust e Felice Schragenheim durante aquele tempo. Antes do best-seller de Erica Fischer, Lilly Wust foi rastreada pelo jornalista americano, autor, e notou o pesquisador do Holocausto Charles Brady, que considerava Lilly Wust uma vítima do Holocausto. Foi mais de um ano e meio, no entanto, antes que Wust pudesse confiar em Brady e contar-lhe toda sua história. Eles permaneceram amigos íntimos por 20 anos até sua morte em 2006.

O livro de Fischer contém fotos das muitas cartas compartilhadas entre ela e Wust, e da correspondência oficial após a Segunda Guerra Mundial em relação ao paradeiro de Felice. O filme estrelou Juliane Köhler como Lilly Wust e Maria Schrader como Felice Schragenheim, assim como Johanna Wokalek, Elisabeth Degen [de], Heike Makatsch e Detlev Buck.

Cazuza – O Tempo Não Para

Cazuza – O Tempo Não Para é um filme biográfico-dramático brasileiro de 2004 sobre a vida do cantor Cazuza. Foi dirigido por Walter Carvalho e Sandra Werneck e estrelou Daniel de Oliveira como Cazuza. O filme é baseado no livro escrito pela mãe de Cazuza, Lucinha Araújo: “Cazuza, só as Mães São Felizes” (Cazuza, só as mães são felizes).

Quando foi lançado no Brasil, o filme foi um dos mais bem-sucedidos do ano a nível nacional e ganhou o prêmio de melhor ator concedido pela Associação de Arte e Críticos de São Paulo.

Handsome Devil

Handsome Devil é um filme de comédia-drama irlandês de 2016, dirigido por John Butler. Foi exibido na seção Cinema Mundial Contemporâneo no Festival Internacional de Cinema de Toronto em 2016.

Ele se concentra em torno de um adolescente ostracizado (Fionn O’Shea) em um colégio interno de elite, obcecado pelo rúgbi e todos os garotos na Irlanda, modelado em Castleknock e Blackrock, cujo novo companheiro de quarto (Nicholas Galitzine) é o novo astro do rúgbi da escola. Os dois formam uma amizade improvável até que seja testada por aqueles ao seu redor. O filme apresenta temas de homossexualidade, enquanto examina a hipocrisia e o esnobismo do sistema escolar privado irlandês. Handsome Devil recebeu aclamação da crítica, ganhando o prêmio de Melhor Longa Metragem Irlandesa de 2017 do Círculo de Críticos de Cinema de Dublin; quatro indicações ao Prêmio da Academia Irlandesa de Cinema e Televisão (IFTA) de 2018, incluindo Melhor Longa Metragem; e o Prêmio de Melhor Longa Metragem Individual no Festival anual de Mídia Celta de 2018.

O confeiteiro

O confeiteiro

The Cakemaker é um filme dramático israelo-alemão de 2017, dirigido por Ofir Raul Grazier. Ele estrelou Sarah Adler, Tim Kalkhof, Zohar Strauss e Roy Miller.

Estreou no 52º Karlovy Vary International Film Festival. Fez parte da Seleção Oficial – Competição e ganhou o Prêmio do Júri Ecumênico[6]. Recebeu o Ophir Award 2018 de melhor filme, e foi selecionado como o inscrito israelense para o Melhor Filme em Língua Estrangeira no 91º Oscar, mas não foi indicado.

Vita and Virginia

Victoria Mary Sackville-West, Lady Nicolson, CH (9 de março de 1892 – 2 de junho de 1962), geralmente conhecida como Vita Sackville-West, foi autora inglesa e designer de jardins.

Ela foi uma romancista, poetisa e jornalista de sucesso, assim como uma prolífica escritora de cartas e diarista. Ela publicou mais de uma dúzia de coleções de poesia durante sua vida e 13 romances. Ela recebeu duas vezes o Prêmio Hawthornden de Literatura Imaginativa: em 1927 por sua epopéia pastoral, A Terra, e em 1933 por seus Poemas Coletados. Ela foi a inspiração para a protagonista de Orlando: Uma Biografia, por sua famosa amiga e amante, Virginia Woolf.

Ela teve uma longa coluna no The Observer (1946-1961) e é lembrada pelo famoso jardim em Sissinghurst criado com seu marido, Sir Harold Nicolson.

Hurricane Bianca

Hurricane Bianca

Hurricane Bianca é um filme de comédia americano de 2016, dirigido e escrito por Matt Kugelman. O título do filme deriva do ator protagonista, Bianca Del Rio (Roy Haylock), uma costureira americana e drag queen, mais conhecida por vencer a sexta temporada da Drag Race de RuPaul. Além de ser comercializado como uma comédia, o filme aborda questões sociais sérias, como o fato de que na época do lançamento do filme era legal em 29 estados americanos que alguém fosse demitido de seu local de trabalho por ser gay.

I Am Divine

I Am Divine

Am Divine é um documentário americano de 2013, produzido e dirigido por Jeffrey Schwarz, da produtora Automat Pictures, sediada em Los Angeles. O documentário enfoca o ator, cantor e artista de arrasto americano Divine (19 de outubro de 1945 – 7 de março de 1988), nascido Harris Glenn Milstead, um amigo e colaborador vitalício do cineasta John Waters.

O filme apresenta extensas entrevistas contemporâneas com Waters, assim como com a mãe de Divine, Frances Milstead, e membros sobreviventes dos Dreamlanders.

Loev

Loev

Loev (amor pronunciado) é um filme de drama romântico indiano de 2015 escrito e dirigido por Sudhanshu Saria. Ele estrela Dhruv Ganesh e Shiv Panditt como dois amigos que partiram para o Ghats Ocidental para uma viagem de fim de semana e se concentram em sua complexa relação emocional e sexual. Foi o último papel de Ganesh no filme quando ele morreu de tuberculose antes do lançamento da produção. Loev também apresenta Siddharth Menon e Rishabh Chaddha em papéis de apoio. O título do filme é uma grafia deliberadamente errada da palavra “amor”.

Laerte-se

Laerte-se

Laerte-se é um documentário brasileiro de 2017 dirigido por Lygia Barbosa e Eliane Brum sobre a cartunista brasileira Laerte Coutinho, que aos 58 anos de idade saiu como travesti e mais tarde como transgênero.

Hoje eu volto para casa sozinho

Hoje eu volto para casa sozinho é um filme brasileiro de volta à idade do diretor Daniel Ribeiro de 2014, que é baseado no curta I Do’t want to go back alone from 2010. O filme foi a entrada brasileira vencedora do Oscar de 2015.

Praia do Futuro

Praia do Futuro é um filme dramático brasileiro-alemão de 2014 dirigido por Karim Aïnouz, e estrelado por Wagner Moura, Clemens Schick e Jesuíta Barbosa. O filme teve sua estreia na seção de competição do 64º Festival Internacional de Cinema de Berlim.

Bacurau

Bacurau

Bacurau é um filme brasileiro de 2019, nos gêneros do drama, wéstern, horror gore, fantasia e ficção científica, escrito e dirigido por Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles. Foi produzido por Emilie Lesclaux, Saïd Ben Saïd e Michel Merkt, e lançado por Sônia Braga, Udo Kier e Bárbara Colen. O título do filme é o nome do último ônibus matinal em Recife, e a origem do nome vem de uma ave noturna comum no seroton brasileiro, que foi chamada pelo povo tupi de wakura’wa.

Deixe nos comentários as suas indicações de filmes gays e quais dos aqui citados você mais gostou!

Deixe uma resposta